Administração Pública: Como Funciona a Atuação dos Profissionais

Tempo de leitura: 3 minutos

três pessoas em uma reunião

Se você acha que administradores públicos são apenas os políticos eleitos, você está muito enganado! Além dos eleitos por votação, o profissional de administração pública é aquele que tem formação para gerenciar as instituições do governo e também na elaboração e acompanhamento de políticas públicas, podendo ser nomeado para cargos de gestão.

Como o próprio nome já supõe, o profissional de administração pública tem como possíveis locais de trabalho os ministérios, secretarias, concessionárias de serviços públicos e/ou outros órgãos das mais diferentes esferas (federal, estadual ou municipal). O objetivo é atender às necessidades públicas, coordenando as políticas e avaliando sua efetividade.

Você sabe como atuar nessa área? Você sabe a diferença entre administração pública direta e indireta? Sabe quanto ganha um profissional da área? Siga a leitura e tenha algumas dessas respostas!

Administração pública direta e indireta: quais as diferenças?

Aqui, é necessário entender que o conceito de administração pública não se modifica a partir dessas definições. Quando falamos de administração pública direta e indireta, falamos apenas dos locais em que os profissionais atuam. O objetivo final é, basicamente, o mesmo: garantir que o poder público irá suprir as necessidades da coletividade.

A administração pública direta é composta pelos órgãos que estão ligados ao chefe do poder executivo de cada âmbito de atuação. No caso do governo federal, ligado ao presidente da República. São os ministérios, secretarias, coordenadorias e departamentos. Nenhum deles tem CNPJ e são “braços” dos governantes, atuando diretamente na aplicação de políticas específicas.

No campo da administração pública indireta, são encontradas as entidades que foram criadas pelo governo para desempenhar papéis específicos. Essas tem CNPJ e contam com recursos próprios, vindas de atividades que geram receitas.

Quais as possibilidades de atuação em administração pública?

Além da atuação direta no campo político, o profissional de administração pública tem grandes possibilidades no mercado de trabalho. O seu trabalho pode ser feito, por exemplo, em empresas privadas ou empresas do terceiro setor.  

Em empresas privadas, você pode atuar prestando serviços para órgãos do governo, em atividades que têm interação com o poder público. A interação pode ser feita através de programas de responsabilidade social. Também é possível administrar a relação da empresa com o setor público em projetos de gestão compartilhada ou licitações.

Nas empresas do terceiro setor, é possível que o administrador público implemente projetos, planeje processos de licitação pública e também efetue a comunicação de ONGs com os órgãos que atuam em seus segmentos no governo.

Diversificando ainda mais a atuação, você pode atuar com consultorias, com gestão de políticas públicas, na própria política (em assessoria ou se especializando em possíveis mandatos) e no serviço público.

Quais a média salarial do profissional de administração pública?

O campo de administração pública tem uma média salarial bem variável. A começar pelo grande número de possibilidades de trabalho, tal como é o caso dos cargos em âmbito federal, estadual ou municipal, os quais também são determinantes para definir uma média.

Em trabalhos de organizações federais, a média dos salários pode ser de até R$ 11 mil (é isso mesmo – você não leu errado). Nas empresas, a remuneração pode chegar até R$ 7 mil. Em concessionárias de serviços públicos, o salário começa próximo dos R$ 3 mil.

Quer ficar por dentro de conteúdos como esse? Fique de olho em nosso blog!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *